Pierluigi Piazzi Professor (Pier)

Em memória do Prof. Pier

Pierluigi Piazzi foi um professor italiano naturalizado brasileiro. É considerado um dos nomes mais influentes na ficção científica do Brasil e um grande escritor sobre o desenvolvimento da inteligência em alunos em idade escolar, além de ter sido muito prestigiado ao longo de seus anos como professor. Wikipédia

Nascimento: 29 de janeiro de 1943, Bolonha, Itália

Morte22 de março de 2015 (72 anos); São PauloSPBrasil FormaçãoUniversidade Presbiteriana MackenzieUniversidade de São Paulo

Nacionalidade: Italiano, Brasileiro

Em memória do Prof. Pier

O Prof. Pier se foi, mas deixa para todos nós um legado, que é o de estimular a inteligência em cada um, além da ajuda que prestou a milhares de estudantes por todo o Brasil, seja por suas aulas, palestras ou livros.

Uma breve biografia do Prof. Pier.

Pierluigi Piazzi foi professor de um dos maiores cursinhos pré-vestibulares de São Paulo. Formado em física pela Universidade de São Paulo, viajou por mais de 10 anos pelo Brasil visitando centenas de escolas para ministrar palestras para alunos, pais, professores e coordenadores, ensinando como os erros comuns ao viciado processo de ensino brasileiro podem ser evitados.


A imagem pode conter: texto que diz "Brasil tem milhões de alunos e pouquíssimos estudantes"

Alunos estudam apenas para passar nas provas, escolas se preocupam apenas em receber as verbas em dia e estar com a merenda para dividir pra todos. A educação continua sendo segundo,terceiro, quarto..ultimo plano no país do futebol. Assistir aula não significa aprender, o aluno aprende melhor sozinho, é uma tarefa autoditada , não existe estudar em grupo. Quer aprender? Então tenha papel e caneta em mãos e escreva, escreva tudo . Nao digite !! Escreva, a escrita sera armazenada no nosso HD (cerebro). Outra dica …leia, leia muito … Com a leitura você sobe um degrau no nível de inteligencia.

Agora vamos aos ensinamentos do Prof. Pier para você aprender com inteligência e conquistar resultados.

1° Ensinamento: Aula dada é aula estudada Hoje.

A imagem pode conter: 1 pessoa

Quando eu devo estudar ? No turno posterior ao da aula. Nunca no dia seguinte. Lembre-se sempre : aula dada, aula estudada, HOJE! (Antes que se passe uma noite/longo período de sono). Aqui eu poderia citar a curva do esquecimento de Ebbinghaus, mas não é objeto do livro “Aprendendo Inteligência”.

2° Ensinamento: Não desista de aprender diante das dificuldades.

Aprendendo-inteligencia

O pior erro que alguém pode cometer é desistir de aprender o que quer que seja apenas porque encontrou uma dificuldade

O Prof. Pier alerta para um erro muito comum, quando um estudante ou concurseiro se depara com alguma dificuldade a primeira coisa que ele faz é desistir. Desiste de estudar, de fazer uma prova ou concurso por considerar muito difícil.

O correto é diante da dificuldade se esforçar em aprender e estudar mais ainda para compreender o que se deseja. A melhor maneira para se manter firme diante das dificuldade de aprender é ter objetivos e motivos bem definidos.

Dica prática para não desistir de aprender.

Se você estiver diante de um desafio grande, faça uma pergunta a si mesmo:“Qual a ação mais fácil que posso tomar para começar a conquistar esse desafio?

Essa pergunta será muito útil para que você deixe de se concentrar apenas no problema e comece e entrar em ação.

Por exemplo.

Digamos que seu objetivo seja ser Juiz Federal, de início isso pode parecer difícil e você pode querer desistir. Mas então você se faz a pergunta, e logo surge a resposta em sua mente, que pode ser ver o edital do concurso.

Após isso você vai tomando mais ações, depois de ver o edital você pode selecionar as matérias mais fáceis, depois escolher os livros, depois estudar as páginas. Com o tempo se você fizer isso todo o dia logo estará construindo as bases do conhecimento para conseguir sua aprovação.

O mesmo vale para outras provas como OAB, ENEM, Inglês ou o que você quiser.

3° Ensinamento: Você aprende aos poucos

aprendendo-inteligencia-1

“Seu cérebro seu maravilhoso cérebro, é capaz de se tornar cada vez mais inteligente, desenvolvendo cada vez mais habilidades e conhecimentos. Porém, o processo é lento e nada no mundo pode acelerá-lo” A maioria dos estudantes e concurseiros cometem esse erro. Vivem procurando fórmulas mágicas que façam com que eles se tornem inteligentes da noite para o dia.

Se você já acompanha o site Estudar e Aprender há certo tempo sabe que sempre menciono que o conhecimento e a inteligência são construídos aos poucos, todos os dias. É preciso tempo para que as informações se consolidem em sua memória.

O que você lê e aprende hoje aos poucos passa da sua memória de curto prazo para a memória de longo prazo e com isso se torna um aprendizado definitivo, para que você use em suas provas ou concursos.

Quanto eu devo estudar ? 30 minutos de dedicação intensiva e 10 minutos de pausa. Mas, por qual motivo eu devo pausar ? As substâncias químicas responsáveis pelas sinapses esgotam-se com o uso intenso. Pausar ajuda restabelecê-las. Por exemplo : ao invés de estudar 2 horas, estude 4×30 minutos com 10 minutos entre cada ciclo.

Dica prática para aprender com inteligência todos os dias.

O ideal é que você tenha um plano de estudos, mas não é apenas um plano para você colar no seu mural. É um plano que você realmente coloque em prática e estude todos os dias.

Somente com a prática e a leitura diárias é que você estará construindo a base da sua inteligência.

4° Ensinamento: Estude menos e aprenda mais.

“Estudo não é uma questão de quantidade, mas de qualidade. Você não deve estudar mais, deve estudar melhor.”

Vários estudantes acreditam que para aprender é preciso passar 12 horas dentro de um quarto estudando. Mas não adianta nada você ficar estudando se não for com qualidade.

O que adianta você estudar sem concentração, ou estudar assistindo televisão ou pensando no Jogo de futebol de quarta. É muito melhor você estudar menos, mas concentrado, isso sim é estudar melhor.

Vários estudantes acreditam que para aprender é preciso passar 12 horas dentro de um quarto estudando. Mas não adianta nada você ficar estudando se não for com qualidade.

O que adianta você estudar sem concentração, ou estudar assistindo televisão ou pensando no Jogo de futebol de quarta. É muito melhor você estudar menos, mas concentrado, isso sim é estudar melhor.

Dica prática para estudar melhor.

Controle seu tempo de estudo, e verifique sua concentração. Se quiser você pode fazer blocos de estudo de menos tempo. Por exemplo, você pode colocar o despertador por 30 minutos e estudar, assim que terminar avalie sua aprendizagem.

Se você fizer isso constantemente irá descobrir se está aprendendo melhor ou perdendo tempo. Inclusive conseguirá se manter mais concentrado nos seus estudos. Com a prática você passará horas estudando concentrado.

5° Ensinamento: Na aula você não aprende, você entende.

aprendendo-inteligencia-3

“Na aula você não aprende… Na aula você entende!” Se você pensa que durante sua aula ou curso você deve aprender você está muito enganado. O seu professor apenas faz com que você entenda a matéria, aprender depende unicamente de você.

Isso porque o que você entende na aula se não for praticado, estudado e revisado, irá se perder e não será memorizado. Por isso que o ato de estudar em casa é muito importante, inclusive para quem faz cursinhos, seja online ou presencial.

Dica prática para aprender com inteligência.

O melhor que você tem que fazer é toda às vezes ao chegar da aula, curso ou faculdade é estudar. Pegue o material da aula e revise, escreva, releia. Dessa maneira você estará não apenas entendendo, mas aprendendo.

Você pode fazer um cronograma à parte para estudar em casa. Separe uma hora do dia específica na qual você irá revisar todo o conteúdo que você aprendeu e também colocar em prática através de atividades e exercícios.

6° Ensinamento: Aprenda a estudar sozinho.

aprendendo-inteligencia-4

“Por incrível que possa parecer, é mais importante o tempo que você passa estudando sozinho do que aquele que passa assistindo às aulas” Quando você estuda sozinho, você estimula sua inteligência. É o momento que você começa de fato a armazenar a informação em sua memória e também a exercitar o que aprende.

Muitos estudantes e concurseiros pensam que apenas uma leitura ou prestar atenção na aula é o suficiente para que aprendam algo.

Para o Prof. Pier é muito importante que você desenvolva sua capacidade de estudar sozinho, seu autodidatismo.

Dica prática para desenvolver o autodidatismo inteligente.

Uma ótima maneira de você se acostumar a aprender sozinho e desenvolver seu autodidatismo é através de um hobbie. Por exemplo, talvez você goste de jardinagem, mas nunca procurou estudar a respeito.

Então comece acessando site e blogs, depois comece a aprender mais a respeito. Dê os primeiros passos, compre flores, mudas, adubos, coloque como meta criar um pequeno jardim.

Eu sei você deve estar pensando:

Prof. Piccini, quero passar em uma prova ou concurso não posso perder tempo com jardinagem”.

Vou responder a esse questionamento com dois pontos. Primeiro, um hobbie é algo que te dá energia para realizar as tarefas mais difíceis e rotineiras como trabalhar. Quando você tem um hobbie como desenhar, jardinagem, marcenaria, tocar violão, etc. Você alivia sua mente, se torna mais motivado e desenvolve seu autodidatismo.

Segundo pronto, Você passa um tempo consigo, desenvolve sua inteligência, fortalece seu cérebro e APRENDE MAIS RÁPIDO. Isso mesmo, um hobbie faz com que você crie novas conexões neurais, produza mais mielina e deixe seu cérebro mais preparado para estudar outros materiais.

Para que você entenda de uma vez por todas como um hobbie estimula sua inteligência, observe a imagem abaixo:

einstein-estimulando-inteligencia

7° Ensinamento: Desenvolva o aprendizado Ativo.

aprendendo-inteligencia-5

“Nunca estude sem ter um lápis em atividade sobre um pedaço de papel”

O prof. Pier era um defensor dos lápis e canetas em ação. Para ele o ato de escrever era mais importante que o de digitar. Na verdade o Prof. Pier está falando sobre o aprendizado ativo, ou seja, aquele onde o estudante se envolve com o estudo.

Fazer uma leitura fria de um livro equivale a você assistir uma aula, se você não se envolver, rabiscar, desenhar, recitar, resumir, etc. Você não vai aprender. A aprendizagem ativa facilita a memorização de longo prazo e torna o aprendizado mais rápido.

Quanto mais áreas do cérebro você usa no processo de aprendizagem, mais forte se torna sua memorização. E para usar várias áreas do cérebro é preciso usar todos os sentidos, visão, audição, tato, etc. Quanto mais você se envolver, mais você aprender com inteligência. Mas, como procede uma vez que tenho caneta e papel na mão? Anota tudo que for importante.

Mas, como sei o que é importante ? Faça de conta que está preparando uma cola. A confecção da cola já é o estudo. Aqui, eu acrescentaria : estudar por várias fontes e fazer uma síntese esquemática da própria lavra, isto é, você estuda tudo e no final faz uma pseudocola sintetizando todas as ideias da sua própria forma e com suas palavras.

Dica prática de como desenvolver o aprendizado ativo

Quando você estiver estudando tente incluir os outros sentidos. Por exemplo, se você está lendo, tente usar o tato para escrever, rabiscar. Use também a audição, recite partes do texto em voz alta ou grave para você escutar depois.

Se você estiver assistindo uma vídeo aula, faça anotações e desenhos rápidos. Depois disso, tente memorizar trechos da aula escreva em um papel e fale em voz alta para si mesmo, o importante é usar sua criatividade para aprender mais.

8° Ensinamento: Desenvolva o gosto pela leitura.

aprendendo-inteligencia-6

“Só obtém algo interessante da vida, da escola, do trabalho, quem lê muito. E só lê muito quem lê por prazer”

O Prof. Pier era um defensor da leitura, para ele o principal passo para desenvolver a inteligência é através da leitura. A leitura tem um papel essencial no desenvolvimento da cognição, responsável pela aquisição de conhecimento.

Ler ajuda você a compreender melhor o mundo e seus estudos. Ler também te ajudará a se expressar melhor e também raciocinar melhor diante dos problemas que você enfrentar, além de alimentar seu cérebro com cultura e informações de qualidade.

Nós precisamos de alimento para viver, imagine a leitura como o alimento do cérebro. É obvio que seu cérebro não morre se deixar de ler, mas ele se torna mais lento e preguiçoso, a leitura funciona como uma aeróbica cerebral.

Dica prática para desenvolver o gosto pela leitura

Se você ainda não tem o gosto pela leitura é muito simples, escolha um tema que goste e um livro pequeno. Simples assim, comece devagar não tenha pressa o mais importante é você começar.

Mais uma vez, você acha que vai perder tempo lendo algo que não tenha a ver com sua prova ou concurso? Fique tranquilo, o que estamos fazendo aqui é fortalecendo seu cérebro, ler não é a mesma coisa que estudar, e você vai usar somente 10 minutos por dia.

Faça o seguinte, pegue seu livro e tenha uma meta diária que pode ser 10 minutos de leitura ou 10 páginas por dia e simplesmente faça isso todos os dias pela manhã. Pronto, com o tempo você começará a perceber que seu raciocínio e compreensão estão mais rápidos.

Para finalizar, aula dada é aula estudada!

Palestras: Pierluigi Piazzi

Fonte http://escolapontocom2015.blogspot.com/2020/02/7-ensinamentos-do-professor-pier-para.html

Adicionar aos favoritos o Link permanente.
bbraga

Sobre bbraga

Atuo como professor de química, em colégios e cursinhos pré-vestibulares. Ministro aulas de Processos Químicos Industrial, Química Ambiental, Corrosão, Química Geral, Matemática e Física. Escolaridade; Pós Graduação, FUNESP. Licenciatura Plena em Química, UMC. Técnico em Química, Liceu Brás Cubas. Cursos Extracurriculares; Curso Rotativo de química, SENAI. Operador de Processo Químico, SENAI. Curso de Proteção Radiológica, SENAI. Busco ministrar aulas dinâmicas e interativas com a utilização de Experimentos, Tecnologias de informação e Comunicação estreitando cada vez mais a relação do aluno com o cotidiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *