Produzindo gás hidrogênio

Produzindo gás hidrogênio

Acima De Tudo CUIDADO! Só faça isso com o consentimento de seus
pais esse gás é altamente inflamável!

MATERIAIS

– Garrafa de vidro – 1L;

– Papel alumínio;

– Soda Cáustica;

– Água;

– Bexiga. Bexigas

Procedimento

– Coloque cerca de 5 colheres (sopa) de soda cáustica na garrafa, tome cuidado e utilize luvas de proteção.
-um pouco de água (de torneira)
-pedacinhos pequenos de papel alumínio ou pode ser pedacinhos de latinhas de refri
-garrafa pet
-bexiga de borracha ou saco plástico

Como Fazer:

1-Pegue a as colheres de soda caustica e coloque na água

2- misture bem e coloque o papel alumínio

3-rapidamente coloque a bexiga na boca da garrafa e se afaste

4-quando a bexiga estiver cheia com cuidado chegue perto da garrafa tire-a da boca da garrafa e se afaste

5- amarre a bexiga de modo que nao saia o hidrogenio

6-Solte-a e ela irá voar

7-Se quiser fazer uma bola de fogo, amarre a bexiga na ponta de uma madeira e bote um vela acesa a uma certa distancia, segure a madeira e aproxime a bola até a vela e espere estourar

Não me responsabilizo por nada que acontecer com você, abaixo um video que mostra outras coisas que se pode fazer nesse experimento

.

COMO SE EXPLICA

Ao misturar soda cáustica, alumino e água acontece a seguinte reação:

2 NaOH + 2 Al + 2H2O → 2 NaAlO2 + 3 H2

Quando é adicionada a água junto ao papel alumínio e a soda caústica começa uma reação chamada exotérmica, onde muito calor é liberado. Por isso, tome cuidado ao tocar a garrafa durante a reação.

A soda cáustica reage com o papel alumínio gerando Aluminato de Sódio (NaAlO2) e o gás hidrogênio que enche a bexiga. A bexiga, contendo gás de Hidrogênio suficiente, pode então subir, pois o gás em seu interior é mais leve que os gases que compõem o ar.

EXPERIMENTOS DE FÍSICA A BOMBA DE HIDROGÊNIO

 

 

A bomba de hidrogênio, também chamada de “bomba H” ou “bomba de fusão”, é o explosivo mais potente já inventado pelo homem. Sua força pode chegar a 50 vezes a de uma bomba atômica – como as que foram lançadas sobre o Japão – e a reação é a mesma que ocorre espontaneamente no interior de estrelas como o sol.

 

  • Diferença entre bomba atômica e bomba de hidrogênio

A bomba atômica libera energia pela fissão – divisão do átomo – e a bomba de hidrogênio, ao contrário, junta átomos de hidrogênio em átomos maiores, em uma fusão nuclear.

A diferença entre a fissão nuclear e a fusão nuclear é que a primeira libera apenas 10% da energia contida no núcleo dos átomos, e a segunda pode liberar cerca de 40% dessa energia. Mas para que a fusão ocorra são necessárias temperaturas muito altas a fim de iniciar o processo. Portanto, a fissão nuclear é usada como um “gatilho” gerando grandes quantidades de energia, que irão desencadear o processo de fusão.

  • Curiosidade

No dia 1º de novembro de 1952, foi detonada a primeira e única bomba de hidrogênio da história, no atol de Eniwetok – Ilhas Marshall. Nesse experimento, a bomba H teve um poder de explosão de 10 milhões de toneladas de TNT, algo como 700 vezes o poder da bomba de Hiroshima

Referências

Victor H. PRODUZINDO HIDROGÊNIO. Disponível em: <http://www.pontociencia.org.br/experimentos/visualizar/produzindo-hidrogenio/854>. Acesso em: 02 Nov. 2016.

Wikipédia, a enciclopédia livre. Hidróxido de sódio. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Hidr%C3%B3xido_de_s%C3%B3diohttps://pt.wikipedia.org/wiki/Hidr%C3%B3xido_de_s%C3%B3dio>. Acesso em: 02 Nov. 2016.

Químico Maluco. Como Faser Hidrogênio em Casa!. Disponível em: <https://quimicomaluco.wordpress.com/2010/03/13/como-faser-hidrogenio-em-casa/>. Acesso em: 02 Nov. 2016.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.
bbraga

Sobre bbraga

Atuo como professor de química, em colégios e cursinhos pré-vestibulares. Ministro aulas de Processos Químicos Industrial, Química Ambiental, Corrosão, Química Geral, Matemática e Física. Escolaridade; Pós Graduação, FUNESP. Licenciatura Plena em Química, UMC. Técnico em Química, Liceu Brás Cubas. Cursos Extracurriculares; Curso Rotativo de química, SENAI. Operador de Processo Químico, SENAI. Curso de Proteção Radiológica, SENAI. Busco ministrar aulas dinâmicas e interativas com a utilização de Experimentos, Tecnologias de informação e Comunicação estreitando cada vez mais a relação do aluno com o cotidiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *